Pra complementar o outro post sobre Bones, lá vou eu falar da temporada 5.
A temporada começou com a especulação se a Emily Deschanel (ou a Brennan ou ambas) tava grávida. Isso porque uma semana antes de começar a filmar ela quebrou um dos dedos do pé, imobilizou a perna e obviamente ganhou uns quilinhos a mais em função de não poder se exercitar. A porcaria do departamento de figurino da Fox não soube levar a coisa e colocou a coitada com (às vezes) até 3 camadas de roupas e o uso de plano americano (cintura pra cima) só jogou lenha na fogueira. Até que a própria atriz resolveu dar uma declaração de que NÃO, ela não estava grávida. São nesses detalhes que a gente percebe que a Fox não tá nem aí pro seriado…

Os melhores:
*O melhor caso (só pra variar) foi o epi escrito pela Karine Rosenthal: The plain in the prodigy (S05E03). O roteiro explora com perfeição aspectos religiosos e filosóficos dos Amish, sem fazer drama barato ou julgamentos superficiais. Simplesmente maravilhoso.
*Por motivos afetivos-profissionais-sexuais [use sua imaginação aqui], eu amei A night at the Bones museum (S05E05). Ótimas piadas internas sobre museus e seus profissionais.
*Os convidados especiais: Cindy Lauper, maninha Deschanel, um dos Pistoleiros solitários de Arquivo X (os 2 últimos achei subutilizados), Família Booth (vozinho e Booth Light), o Freddy Kruger, Josh Malina dando um esporro épico na Brennan. Gordon Gordon aparece mais uma vez com uma voz da sabedoria pro Booth no epi 07. Ele alegra o meu coração. E me faz ver o quanto eu detesto o Sweets. Por que o Sweets o substituiu? Taí uma coisa que NÃO entra na minha cabeça. O FBI caiu muito desde Arquivo X , né, não?
Enfim, todos contribuíram pra fazer Bones ter uma unidade harmônica e muito legal!

O pior:
Sem sombra de dúvida o epi que promoveu Avatar. PÉSSIMO!!

Foi escrito de uma maneira muito muito inteligente, vou admitir, ainda que eu não tenha concordado totalmente com ele.
Na minha humilde opinião (de quem já viu váaarias séries durante váaarios anos), eles pecaram em não terem feito os personagens transarem pela primeira vez. O simples fato da transa ocorrer no passado aliviaria a barra no presente e consequentemente faria a audiência aceitar como mais plausível a season finale.
E outra: o Booth joga tudo em cima da Brennan e ainda manda um “dá ou desce” pra ela (essa é velha, mas cabe aqui)? E depois: “ah tá, então eu vou me adiantar já que não vai rolar nada”. Qual é Booth!…
Teoria da conspiração:
O epi originalmente começou a ser filmado em janeiro de 2010 e parte dele só foi finalizado nas comemorações do epi 100, ou seja, uma diferença de quase 4 meses entre início e fim. Por quê? Huum… Pensa junto comigo: originalmente eles pensaram em deixar que os personagens transassem. E gravaram a cena de, no mínimo, duas maneiras. Veja o epi e pare exatamente nos seguintes momentos 28:01/28:59/30:18 e 30:25. Repare como a gravata do Booth aparece de 2 maneiras diferentes (a pin up aparece na frente da gravata e depois aparece na parte de trás da gravata). Captou? Se a cena tivesse sido feita sem a grande diferença de tempo, não teria esse erro de continuidade que a edição (que pra mim é um dos grandes problemas em Bones) deixou uma lacuna pra se especular sobre a ideia original do epi.
Aliás a Brennan, que é muito bem resolvida no aspecto sexual, ao contrário do travado do Booth, não teria saído com aquele papinho de que “estou cheia de tequila nas idéias” (já que foi ela que começou tudo!). Seria legal eles ter acaontecido e no dia seguinte eles terem recebido um telefonema de que teriam que voltar a trabalhar juntos e então chegaríamos ao “impasse” atual.
Vale lembrar que isso tudo foi se juntando na minha cabeça depois do chat com a Marisa Roffman (da Korbi Tv) depois da season finale onde ela disse literalmente que: “muitas vezes os roteiristas são acusados injustamente pelo rumo de um programa quando na verdade a responsabilidade é da emissora.” Ou seja, ela disse que os roteiristas queriam colocar os dois juntos e a Fox não deixou. Mais claro impossível! Foi o maior bafo quando ela disse isso. E o meu coração que adora uma teoria da conspiração desde Arquivo X pulava de alegria dentro do meu peito!!

Season finale
Eu não sou daquelas que não gostou do epi porque não rolou nada entre eles.
Eu não gostei porque não apresentou nada de novo ou grandes expectativas pra próxima temporada. O caso foi chato, o relacionamento entre eles que vinha num crescente durante toda a temporada ficou estagnado, ou pior: regrediu. Aliás regrediu desde o epi 100, diga-se de passagem.

Olha, eu vou pruma selva e você vai pruma zona de guerra, mas daqui a um ano, nós nos reencontramos juntos e pelados até a eternidade, tudo bem?

Tá certo, eu avacalhei demais agora, mas eu não gostei disso. Mesmo.
Foi coerente com os personagens? Foi, mas não gostei.
Foi apenas mais do mesmo. Não sei o que poderia ter sido feito, mas eu não gostei do que vi.
Já que a temporada 5 foi bastante voltada pro relacionamento deles, por que no final não fazer algo diferente?
Repito que eu sou uma das poucas que não gostou pela qualidade do epi e não porque eles não beijaram, se abraçaram ou o que quer que seja!
Torço pra que a temporada 6 seja muito boa até porque Bones está entrando numa fase perigosa. De uma maneira geral, os atores depois da temporada 5 se cansam de fazer os mesmos papeis, ou exigem mais dinheiro na renovação de seus contratos ou os roteiristas (se não forem muito bons) não sabem mais o que desenvolver e aí vai tudo pro buraco (toc, toc, toc).
Não, não desisti de Bones. Nunca desisti de uma série que acompanho desde o início. Eu aturei Arquivo X até o final e até sem o Mulder.
Eu sei, eu sou uma heroína!

Anúncios