da galeria do site Omelete

Ontem vi o filme do Tim Burton. O badalado Alice. Vi em 3d. Gostei. Simples assim. A história é uma mistura dos 2 livros, mas a peculiaridade tá no olhar sempre único do Tim Burton. E eu gosto do olhar dele que sempre traz pitadas de tristeza, questionamentos e um tantinho de morbidez. Em “Alice” não é diferente. Destaco a Helena Bonham Carter, amei o trabalho dela.  Amei também todo o conceito visual. Os efeitos visuais que eu mais gostei foram da Alice aumentando e diminuindo de tamanho exatamente como eu havia imaginado quando li o livro pela 1a vez ainda criança. Quanto ao Johnny Depp eu gostei visualmente, mas do trabalho dele, não, eu não gostei. Achei meio parecido com a Fábrica de chocolate inclusive a dancinha a la Michael Jackson (de novo? É, pois é!).   Apesar de ser da Disney, Alice não é um filme infantil no “estilo Disney”. Graças aos deuses porque esse era um dos meus medos quando soube do projeto.

Ouvi um cara na minha frente dizendo que não gostou porque não havia entendido. Dica: se você for esperando uma explicação pro(s) livro(s), desista. Esse não é o objetivo do filme. Ele foi feito pra ser curtido e foi isso que eu fiz, sem maiores “pretensões”.

Anúncios